terça-feira, 7 de setembro de 2010

Compartir um ficheiro entre 2 computadores através da porta 80 no Linux com netcat

Este é mais uma dica para usar na linha de comandos, ou terminal.


Com esta dica, podemos compartir um ficheiro com o comando nc (netcat) com outro computador.

O comando será, por exemplo:



nc -w 5 -v -l -p 80 < nome-do-ficheiro-a-compartir

Argumentos usados no comando:

  • -w 5  = indica o numero em segundos para o timeout

  • -v      = verbose (ou algo como saída depurada de resultados)

  • -l       = modo de escuta, para conexões entrantes (que é o caso)

  • -p 80 = p indica a porta de escuta e 80 é a porta que indicamos para o efeito

No outro computador em que vamos receber o ficheiro, abrimos qualquer Navegador. (Firefox, Opera, Chrome, Internet Explorer - é multiplataforma !)

Na barra de direcções introduzimos:

http://direcçao_ip_do_computador_que_envia/nome-do-ficheiro-a-receber

É claro que você tem de conhecer a direcção IP do computador que envia. Peça-a á pessoa que lhe quer enviar o ficheiro e introduza-a. Para saber a IP pode usar o comando ifconfig. Ou no seu Navegador Web pode ir a páginas como knowmyip.net. Use o Google.

Se temos algum servidor Web a ser executado, e que esteja a usar a porta 80, temos de o parar, ou então especificar outra porta ao executar o comando nc.

Uma ajuda para usar nc:


OPTIONS

       -c string    specify shell commands to exec after connect (use with caution).  The string is passed to /bin/sh -c

                    for  execution.   See  the -e option if you don't have a working /bin/sh (Note that POSIX-conformant

                    system must have one).



       -e filename  specify filename to exec after connect (use with caution).  See the -c option for enhanced function‐

                    ality.



       -g gateway   source-routing hop point[s], up to 8



       -G num       source-routing pointer: 4, 8, 12, ...



       -h           display help



       -i secs      delay interval for lines sent, ports scanned



       -l           listen mode, for inbound connects



       -n           numeric-only IP addresses, no DNS



       -o file      hex dump of traffic



       -p port      local port number (port numbers can be individual or ranges: lo-hi [inclusive])
-q seconds   after EOF on stdin, wait the specified number of seconds and then quit. If seconds is negative, wait

                    forever.



       -b           allow UDP broadcasts



       -r           randomize local and remote ports



       -s addr      local source address



       -t           enable telnet negotiation



       -u           UDP mode



       -v           verbose [use twice to be more verbose]



       -w secs      timeout for connects and final net reads



       -z           zero-I/O mode [used for scanning]



       -T type      set TOS flag (type may be one of "Minimize-Delay", "Maximize-Throughput", "Maximize-Reliability", or

                    "Minimize-Cost".)




Espero que seja útil.

Deixe o seu comentário. Ele vale mais que   visitas ;-)

0 comentários:

Enviar um comentário

É favor manter a boa educação nos comentários. Qualquer comentário ofensivo, racista, desprestigioso, apenas com objectivo de inundar o blogue ou comentários de publicidade não solicitada serão eliminados. Serão aceites comentários em Português, Espanhol e Inglês. Comentarios en Portugues, Español y Ingles seran aceptados. Comments in Portuguese, Spanish and English will be accepted.

Notícias GNU/Linux